Painel Internacional de Parlamentares para Liberdade Religiosa ou de Crença

Cúpula de Parlamentares em Nova York conclui com Cartas de Ação e Resolução

NOVA LORQUE, 19 de Setembro de 2015 – Em face da crescente perseguição religiosa por motivos de fé e crença, parlamentares de quase 50 países concluíram uma cúpula inédita discutindo formas de expandir a liberdade de religião e crença para todos.

Cúpula de Parlamentares em Nova York conclui

Focado em ações concretas, o encontro resultou na emissão de cartas de ação ao Presidente de Burma, ao Primeiro Ministro do Vietnã, e ao Presidente do Parlamento do Irã. Além disso, os parlamentares assinaram a Resolução de Nova York pela Liberdade de Religião e Crença, comprometendo-se a efetivar ações que promovam este direito fundamental.

O evento foi co-patrocinado pelo Painel Internacional de Parlamentares para Liberdade de Religião e Crença – International Panel of Parliamentarians for Freedom of Religion or Belief (IPPFoRB), uma rede lançada no ano passado em resposta à crescente crise de perseguição religiosa por grupos terroristas e governos autoritários. IPPFoRB é uma aliança de parlamentares comprometidos a expandir a liberdade religiosa para todos, como definido no Artigo 18 da Declaração Universal de Direitos Humanos.

Outros destaques incluem:

  • Painéis com líderes parlamentares e diplomatas discutindo como promover a liberdade de religião e crença para todos, em face da repressão do ISIS e de governos autoritários.
  • Discussões com líderes religiosos, incluindo um clérigo do Irã, um bispo da Nigéria, e um líder budista do Japão.
  • Audiência com membros de uma família de religiosos encarcerados no Irã, no sábado de manhã: a esposa do Pastor Saeed Abedini e o parente de um líder Baha’i, ambos presos.

Os parlamentares presentes à reunião vieram de: Bosnia-Herzegovina; Brasil; Burma/Mianmar; Camboja; Canadá; República Centro-Africana; Chade; Chile; Costa Rica; Dinamarca; República Dominicana; Equador; Egito; El Salvador; Parlamento Europeu; Geórgia; Alemanha; Honduras; Índia; Iraque; Irlanda; Israel; Jordan; Quênia; Líbano; Lituânia; Malawi; Malásia; México; Países Baixos; Nigéria; Noruega; Paquistão; Paraguai; Peru; Senegal; Sérvia; África do Sul; Sudão; Taiwan; Tunísia; Reino Unido; Uruguai.